Governo alemão investiga número de mortes causadas por dióxido de nitrogênio

Foto: AP Photo/Martin Meissner

A pesquisa encomendada pelo Escritório Federal para o Meio Ambiente concluiu que quase seis mil pessoas morreram prematuramente em 2014 de doenças provocadas ou agravadas por dióxido de nitrogênio ou NO2.

O estudo, feito pelo Helmholtz Center Munich, financiado publicamente e pela empresa privada IVU Umwelt GmbH, utilizou modelos estatísticos para descobrir quantas mortes poderiam ser atribuídas ao NO2.

Foi realizada uma comparação entre as mortes por diabetes, asma e outras doenças com registros de emissões nas cidades e no campo.

O relatório de 172 páginas foi publicado uma semana depois que um tribunal alemão decidiu Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!